Pesquisar este blog

terça-feira, setembro 04, 2012

sou soberana do silêncio

























habito os seus anseios torpes

e te levo comigo à viagens libertárias

talvez ouça-me em teu miocárdio

e extasie-se de ausências

ao me confrontar

mas sou nula e completa

substantivo feminino

singular

morte.

2 comentários:

Miguel Pestana disse...

muito bonito.

Larissa Marques disse...

agradeço.