Pesquisar este blog

terça-feira, fevereiro 21, 2006

Belo é o belo,
Que cada um tem,
Que cada um tem o seu,
Tão seu,
Que chega ser feio ao outro.
Belo que te quero,
Que nem seja verdadeiro,
Mas que seja meu,
Belo é o belo que sonhei,
Belo é o belo que te quero bem.
Belo que é pra mim,
Feio pode ser para outrem.
RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS E A PROPRIEDADE INTELECTUALCopyright © 2006. É proibida a venda ou reprodução de qualquer parte do conteúdo deste site.

2 comentários:

Nina disse...

Com certeza o nosso belo não agrada a todos, mas nem por isso deixemos de ser nós mesmo para ser o que os outros querm que sejamos... Assim é vida plena, do contrário só passamos pela vida. Bjos.

Verônica disse...

A estética do coração é mesmo o amor. Este é belo, muito belo Abraço, Verônica